logo_anba_pt logo_camera_pt
06/02/2017 - 17:30hs
Compartilhe:

Comércio exterior inicia fevereiro com superávit

Balança comercial registrou saldo positivo de US$ 212 milhões nos três primeiros dias do mês. Subiram exportações de produtos como minério de cobre, petróleo em bruto, couros e cereais.



São Paulo – Os três primeiros dias de fevereiro foram de saldo positivo para o comércio exterior brasileiro, com exportações maiores que as importações em US$ 212 milhões. O Brasil faturou US$ 2,26 bilhões com o mercado internacional na primeira semana do mês e gastou US$ 2,052 bilhões em produtos comprados no exterior nos mesmos dias.

Tanto a média diária de exportações como a de importações subiu no período. As vendas externas somaram US$ 754,5 milhões ao dia, em média, contra US$ 702,3 milhões em fevereiro do ano passado, com aumento de 7,4%. Cresceu o faturamento com exportação de produtos básicos, semimanufaturados e manufaturados.

As vendas de básicos avançaram 10% principalmente por causa de minério de cobre, carnes suína e de frango, petróleo em bruto e minério de ferro. As exportações de semimanufaturados subiram 1,3% por conta de ferro fundido, semimanufaturados de ferro e aço, ouro em forma semimanufaturada, couros e peles, além de ferro-ligas.

As exportações de manufaturados cresceram 8,9% em função do bom desempenho de produtos como óleos de combustíveis, hidrocarbonetos e derivados de halogenados, torneiras e válvulas, óxidos e hidróxidos de alumínio e veículos de carga.

O avanço da média diária de importações foi ainda maior que a das exportações, de 26,2% sobre fevereiro do ano passado, de US$ 542,2 milhões para US$ 684 milhões. Os principais produtos responsáveis pelo aumento foram combustíveis e lubrificantes, cereais e produtos da indústria de moagem, equipamentos eletrônicos, veículos automóveis e partes, plásticos e suas obras e siderúrgicos.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form