logo_anba_pt logo_camera_pt
15/03/2017 - 16:14hs
Compartilhe:

Feira de Dubai gera US$ 6 milhões a setor odontológico

Dezoito empresas associadas à Abimo participaram da AEEDC, nos Emirados Árabes Unidos, em fevereiro. Mais de US$ 1,3 milhão em negócios foram fechados no próprio evento.



São Paulo – As dezoito empresas brasileiras do setor odontológico que participaram da UAE International Dental Conference & Arab Dental Exhibition (AEEDC) no mês passado em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, calculam conquistar US$ 6 milhões em negócios, somados aqueles já fechados e os que deverão ser concluídos nos próximos doze meses. Na edição de 2017 da feira foram contabilizados 893 contatos, segundo informações da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Somente durante a AEEDC, a maior feira odontológica do Oriente Médio e Norte da África, foram fechados US$ 1,3 milhão em negócios. Outros US$ 5 milhões são aguardados pelas companhias associadas à Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos, Odontológicos, Hospitalares e de Laboratórios (Abimo) nos próximos doze meses.

Segundo Clara Porto, gerente de projetos e marketing internacional da associação, os árabes têm simpatia pela cultura brasileira e gostam de negociar com as empresas nacionais. “Eles buscam produtos de qualidade a preços acessíveis, e o País ganha em competitividade considerando essas variáveis”, diz, em nota.

Participaram da AEEDC as empresas Aditek, Angelus, Bio-Art, Bionnovation, Cristófoli, Dentscler, DFL, DFVasconcellos, DSP Biomedical, Indusbello, Maquira, Microdont, Olsen, ROIC, SIN Implantes, Systhex, Titanium Fix, e XDENT. A Brazilian Hands On Area, espaço em que os compradores podem testar na prática o uso dos equipamentos, foi novamente destaque na feira.

"O espaço possibilitou às empresas que não apenas realizassem a promoção comercial tradicional de maneira passiva nos estandes, mas que fizessem uma promoção comercial mais técnica, com demonstrações práticas de seus produtos a seus distribuidores, potenciais clientes, dentistas e, por meio de um procedimento mais técnico e dinâmico, atraíram mais visitantes”, explica a executiva, no comunicado.

A saúde bucal e os cuidados com odontologia dos brasileiros são referência em todo o mundo, o que colabora para o fechamento de negócios. As empresas do País exportaram US$ 85 milhões no ano passado, somando todos os países do mundo. Já os árabes compraram, no total, US$ 590 milhões em produtos da indústria em 2015, o último dado disponível.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form