logo_anba_pt logo_camera_pt
05/04/2017 - 18:07hs
Compartilhe:

Dá praia em Dubai

O emirado tem as praias públicas, abertas à população em geral, e as privadas, que ficam em clubes e hotéis. Visita ao mar do Golfo já virou roteiro para turistas.



Isaura Daniel/ANBA

Dubai tem praias públicas (foto) e privadas

Dubai – Pegar praia não é o principal motivo pelo qual 15 milhões de estrangeiros se deslocam para Dubai todos os anos. Mas a praia é um ponto de turismo do emirado e ver o Mar do Golfo de perto virou parte do roteiro de quem passeia por ali.

Se dá praia em Dubai? Sim, praticamente todos os dias. A temperatura máxima de janeiro, um dos meses mais frios do ano na cidade, é de 24 graus. O mês mais quente do ano, que costuma ser agosto, tem temperatura de 40 graus. Ou seja, mesmo em janeiro dá para aproveitar as horas de maior calor do dia e dar uma esticada até a areia.

Mas refaça seus conceitos e esqueça o modelo de praia do Brasil antes de colocar o biquíni, a sunga, a abaya ou a roupa de todo dia mesmo para ver as águas do Golfo. Não tem gente vendendo queijo ou amendoim, não tem carrinho de picolé passando, não tem samba rolando no guarda-sol vizinho. Aliás, na maioria das praias de Dubai não tem guarda-sol.

Isaura Daniel/ANBA

Turistas usam biquínis e maiôs na praia

O emirado tem as praias públicas, aquelas que são abertas e podem ser frequentadas por qualquer pessoa, local ou estrangeira, sem custo algum. Mas Dubai também tem as praias privadas, as que estão nas imediações de hotéis ou clubes e são usadas por seus hóspedes ou associados. Essas têm mais estrutura de lazer.

Em uma manhã de fevereiro de clima ameno, a praia pública de Jumeirah, que fica ao lado do Burj Al Arab, parecia ser encarada pelos turistas como algo mais para ser olhado do que vivido, como um belo quadro. Muita gente tirava fotos com o hotel ao fundo, mas poucos se arriscavam a encarar a água salgada do Golfo. Para o clima do dia, ela estava bem fria.

Nas praias públicas se encontra de tudo. Há mulheres de biquíni bem cavado ao lado de mulheres de abaya, aquela roupa islâmica que cobre o corpo todo. Há homens de sunga e outros de túnica. Uma boa parte usa a roupa do dia a dia, mas num modelo um pouco mais à vontade: um calção, um short, uma bata, uma blusinha.

Isaura Daniel/ANBA

Um lugar para passear de abaya também

A maioria dos visitantes olha o mar, senta um pouco, fica de conversa, tira uma foto e vai embora. Os que estão em roupa de praia ficam mais, tomam sol, entram no mar. Há algumas pessoas que fazem esportes, como andar de caiaque, em área própria. Surfar? Não há ondas grandes. A beleza do Mar do Golfo está justamente na sua calmaria.

Uma espiada nas praias privadas de Dubai mostra um ambiente bem agradável. Espreguiçadeiras e cadeiras na areia, tendas e coqueiros formam o local perfeito para desfrutar e relaxar, entre um petisco e outro. Ali sim são mais raros os que não comparecem em trajes de banho. A maioria das praias privadas está em hotéis de luxo.

Vai a Dubai? Vale a pena dar um pulo na praia sim. Só o fato de levar na memória a vista do Mar do Golfo de pertinho, com seu azul límpido e sua transparência, já compensa a visita.    

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form