logo_anba_pt logo_camera_pt
13/05/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Mostra de fotos traz saga de refugiados a São Paulo

Com imagens do fotógrafo premiado Mauricio Lima, a exposição ‘Farida, um conto sírio’ mostra cenas de refugiados em fuga pela Europa. Exibição está em cartaz no MIS até dia 28.



Mauricio Lima

Lima passou seis meses acompanhando refugiados

São Paulo – Até o dia 28 deste mês, o público da capital paulista pode ver algumas das imagens feitas pelo fotógrafo brasileiro Mauricio Lima, que recebeu um prêmio Pulitzer por seu ensaio sobre refugiados em busca de asilo em países da Europa. Parte deste trabalho compõe a exposição Farida, um conto sírio que está em cartaz no Museu da Imagem e do Som (MIS).

Em 2015, Lima acompanhou durante seis meses a dura viagem de refugiados do Oriente Médio rumo ao continente europeu. O brasileiro passou pela Síria, Iraque, Turquia, Grécia, Bulgária, Macedônia, Sérvia, Croácia, Hungria, Áustria, Alemanha, Suécia e Noruega. Em cada um desses lugares, ele ficou de uma a duas semanas.

A exposição do MIS traz 33 imagens feitas por Lima durante esse período. O nome da mostra faz referência a um bebê que nasceu na cidade de Karlstad, interior da Suécia, depois de seus pais terem enfrentado mais de 50 dias de viagem fugindo da guerra civil da Síria.

Lima é o único brasileiro ganhador de um Prêmio Pulitzer. Fotógrafo documental independente, já trabalhou em países como Afeganistão, Iraque, Líbia e Portugal. Dedicado atualmente a registrar a saída de refugiados do Oriente Médio, tem tido seu trabalho publicado frequentemente pelo jornal norte-americano The New York Times.

Serviço
Mostra de fotos "Farida, um conto sírio"
Até 28 de maio de 2017
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS)
Av. Europa, 158, Jardim Europa - São Paulo - SP
Horários: de 12h às 20h, de terça à sábado e das 11h às 19h, de domingos e feriados
Ingressos: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia)

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form