logo_anba_pt logo_camera_pt
25/05/2017 - 14:13hs
Compartilhe:

Petróleo: corte terá mais nove meses

Países da Opep e outros grandes do setor decidiram manter produção reduzida até março de 2018.



Viena - A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e outros grandes produtores de hidrocarbonetos, como a Rússia, responsáveis por mais da metade da oferta mundial no setor, decidiram nesta quinta-feira (25) em Viena, na Áustria, ampliar o prazo de redução na produção vigente neste primeiro semestre por mais nove meses, até março de 2018. A informação é da agência EFE.

O ministro do Petróleo do Irã, Bijan Namdar Zangeneh, informou sobre a decisão a um grupo de jornalistas após a reunião entre representantes da Opep e de outras importantes nações produtoras de petróleo.

Os países da Opep e outros grandes produtores firmaram acordo de corte no final do ao passado para reduzir a produção mundial em 1,8 milhão de barris por dia no primeiro semestre de 2017, com o objetivo de valorizar as cotações da commodity, prazo agora ampliado.

*Com informações da ANBA

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form