logo_anba_pt logo_camera_pt
01/07/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Exportações de móveis aos árabes cresceram 212%

Vendas externas do setor para países árabes gerou receita de US$ 893 mil em maio, bem acima dos US$ 286 mil de abril. No geral, exportação subiu 10,5%.



São Paulo – As exportações brasileiras de móveis aos países árabes subiram 212% em maio sobre abril. Os números das vendas externas do setor foram compilados pelo Instituto de Estudos e Marketing Industrial (IEMI), com base em dados do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic), e divulgados pela Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs).

Os países árabes compraram US$ 893 mil em móveis do Brasil em maio contra US$ 286 mil no mês anterior. O país árabe que mais importou os produtos foi Emirados, com US$ 599 mil, mais que a metade do total comprado pelos árabes, e valor 196% maior do que em abril.

O segundo país árabe que mais adquiriu móveis do Brasil em maio foi Catar, com US$ 92 mil, seguido de Djibuti, com US$ 61 mil, Arábia Saudita, também com US$ 61 mil, e Omã, com US$ 29 mil. Ainda compraram mobiliário brasileiro em maio os países árabes Líbano (US$ 23 mil), Jordânia (US$ 14 mil), Kuwait (US$ 13 mil) e Marrocos (US$ 1 mil).

No geral, as exportações brasileiras de móveis subiram 10,5% em maio sobre abril, com receita de US$ 57 milhões. No acumulado de janeiro a maio, o faturamento gerado pelas vendas internacionais de mobiliário do Brasil foi US$ 249,7 milhões, o que representa uma alta de 8% sobre os mesmos meses de 2016.

Santa Catarina é o estado brasileiro que mais exporta móveis e o Rio Grande do Sul é o segundo. Em terceiro está o Paraná, em quarto São Paulo e em quinto Minas Gerais.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form