logo_anba_pt logo_camera_pt
06/07/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Líbio compra 40 mil pares de calçados na Francal

Mohamed Swayeb, da empresa Schuhmacher Medtech, que atua no varejo e distribuição de sapatos, fez pedidos na feira paulista. Swayeb e o empresário Mohammed Ghaddar, de Omã, visitaram a Câmara Árabe.



São Paulo – Um importador da Líbia comprou de 30 mil a 40 mil pares de calçados durante a Francal, feira do ramo que terminou nesta quarta-feira (05) na capital paulista. Mohamed Swayeb é representante de compras da empresa Schuhmacher Medtech, que distribui os produtos e mantém a rede de lojas Al Khaleej.

Isaura Daniel/ANBA

Importadores foram recebidos por diretores e profissionais da Câmara Árabe

O importador esteve nesta quarta-feira na sede da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, que foi parceira da organização da Francal no convite e atendimento aos empresários árabes na feira. Também Mohammed M. Ghaddar, presidente da rede de lojas de calçados Shoe Palace, de Omã, esteve na sede da entidade. Os dois foram recebidos pelos diretores da Câmara Árabe Wiliam Atui, Mohamad Abdouni Neto e pelo diretor operacional Maurício Borges.

Swayeb compra calçados do Brasil há cerca de um ano. A empresa tem dez lojas na Líbia, uma no Egito e uma na Alemanha. Ela também atua com distribuição. O líbio conta que estava na Itália, em 2007, quando se deparou com as palavras “made in Brazil” em um calçado. De lá mesmo pegou um avião para o Brasil atrás de calçados. Sem conhecer o País e sua indústria, acabou encontrando ajuda de William Atui, parceiro de negócios do seu irmão.

Swayeb voltou em janeiro de 2016 para a Couromoda, feira do setor que ocorre sempre em janeiro na capital paulista. Nela fez encomendas de US$ 100 mil em amostras de calçados. A terceira vinda ao Brasil foi para a Francal deste ano. À reportagem da ANBA, ele destacou no calçado brasileiro o conforto e a entrega perfeita. “Os nossos clientes gostam muito do produto do Brasil”, diz Swayeb.

O importador compra e comercializa calçados masculinos, femininos e infantis. Ele distribui 500 contêineres por ano, entre o que vai para as lojas e para terceiros. Swayeb fez uma avaliação positiva da Francal, disse que comprou principalmente calçados para o verão, bastante usados na Líbia, mas também modelos para o frio.

Ghaddar, de Omã, também ficou bem impressionado com a feira e sua organização. Ele disse que nela encontrou as melhores empresas de calçados do Brasil. “A equipe da Francal é muito amigável, como uma família, eu virei de novo, para todas as feiras Francal”, afirmou, agradecendo também o apoio da Câmara Árabe. O empresário, que não conhecia a produção brasileira de calçados, resolveu participar da mostra após convite da entidade.

Isaura Daniel/ANBA

Ghaddar (dir.) conheceu sede da Câmara Árabe

 A Câmara Árabe e a Francal foram parceiras no convite aos árabes. A Câmara Árabe manteve um espaço dentro do International Lounge na Francal e deu auxílio para que os importadores árabes encontrassem fornecedores para suas demandas. Maurício Borges destacou a parceria. “A participação foi promissora, gerou resultados positivos para as empresas brasileiras participantes da feira. Com a parceira também foi possível gerar negócios para empresários árabes que nunca tinham pensado em vir ao Brasil”, afirmou Borges, citando o caso da Shoe Palace.

Na feira, pela Câmara Árabe prestaram assessoria aos importadores árabes o assistente de Inteligência de Mercado, Mohamed Hassanein Aly, e o assessor comercial João Bianchini. Diretores da entidade como Atui, Abdouni Neto e Mohamad Orra Mourad também estiveram na mostra e conversaram com os importadores. Além de empresas de Omã e da Líbia, a Francal recebeu importadores árabes de outros países, como Marrocos, Emirados Árabes Unidos, Kuwait e Arábia Saudita.

A Francal tinha como expectativa receber de 1,5 mil a 2 mil importadores. Ela teve 500 expositores que apresentaram 1.500 marcas em uma área de 42 mil metros quadrados no Expo Center Norte.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form