logo_anba_pt logo_camera_pt
13/07/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Encontro debate livro sobre ocupação da Palestina

Com base na obra 'Al Nakba – um estudo sobre a catástrofe palestina', da jornalista Soraya Misleh, história recente da região será discutida no espaço Al Janiah, em São Paulo.



Divulgação

Soraya Misleh apresentou sua tese de mestrado em 2013

São Paulo – Foi no vilarejo palestino de Qaqun, atualmente parte do território ocupado pelo estado de Israel, que cresceu o pai de Soraya Misleh, diretora de comunicação e imprensa do Instituto da Cultura Árabe (ICArabe). Ele foi um dos mais de 800 mil palestinos expulsos em 1948, história resgatada pelo livro “Al Nakba – um estudo sobre a catástrofe palestina”, de autoria da diretora e lançado no Brasil pela editora Sundermann.

O livro é fruto da dissertação de mestrado de Misleh, concluída em 2013 no programa de Estudos Árabes da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da Universidade de São Paulo (USP). É dividido em duas partes: a primeira faz uma contextualização histórica sobre os acontecimentos que culminaram na expulsão dos palestinos, enquanto a segunda parte fala sobre Qaqun, um dos milhares de vilarejos destruídos após a anexação à Israel.

“É muito importante dar visibilidade à história da Palestina. Muita gente fala sobre, mas desconhece a realidade”, afirma a autora do livro, que viajou três vezes a Israel para fazer sua pesquisa – mas teve sua entrada barrada em duas ocasiões. Hoje, segundo ela, existe um parque arqueológico onde há 60 anos era a aldeia de Qaqun.

Em suas pesquisas para a tese de mestrado, Misleh entrevistou três ex-moradores de Qaqun: seu pai, um refugiado que hoje vive em um campo em Amã, na Jordânia, e um palestino que atualmente reside na Cisjordânia. O trabalho foi orientado pela historiadora e professora de história árabe Arlene Clemesha, do Centro de Estudos Árabes da USP.

Lançado há cerca de um mês no Salão do Livro Político, realizado no Teatro da Universidade Católica de São Paulo (Tuca), “Al Nakba – um estudo sobre a catástrofe palestina” será objeto de discussão no espaço cultural Al Janiah, mantido por descendentes de palestinos em São Paulo, na noite de sexta-feira (14). “Será uma oportunidade para apresentar e debater o livro”, diz Misleh.

O encontro terá a participação da autora e do professor de Relações Internacionais da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Reginaldo Nasser. O livro, que recebeu apoio do Instituto Brasil-Palestina, está à venda por R$ 20.

Serviço

Apresentação e debate sobre o livro “Al Nakba – um estudo sobre a catástrofe palestina”, de Soraya Misleh
Sexta-feira, 14 de julho, às 19h30
Local: Al Janiah, bar e espaço cultural – Rua Rui Barbosa, 269, São Paulo
Entrada franca
Mais informações no Facebook

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form