logo_anba_pt logo_camera_pt
01/08/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Árabes podem se candidatar a bolsas de pós no Brasil

Argélia, Egito, Líbano, Marrocos e Síria estão entre os países com os quais o Brasil mantém cooperação e dos quais cidadãos podem se inscrever para fazer mestrado e doutorado no Brasil. Prazo é 18 de agosto.



São Paulo – Cidadãos da Argélia, Egito, Líbano, Marrocos e Síria podem se candidatar a bolsas de estudo para fazer mestrado ou doutorado no Brasil. O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, tem chamada aberta para propostas até o dia 18 de agosto.

O programa vai disponibilizar 40 bolsas para mestrado e 60 para doutorado para estrangeiros de países com os quais o Brasil mantém acordos de cooperação educacional, cultural, ou de ciência e tecnologia. No total são 32 países da África, Ásia e Oceania, grupo do qual as cinco nações árabes citadas fazem parte, e mais 25 países da América Latina e Caribe.

Os escolhidos para o mestrado terão auxílio de R$ 1,5 mil mensais para o prazo máximo de 24 meses, e os de doutorado terão bolsa de R$ 2,2 mil pelo prazo máximo de 48 meses. Os alunos do doutorado também vão receber R$ 394 referentes à taxa de bancada, que tem por objetivo ajudar na manutenção e melhoria das atividades necessárias para a pesquisa.

A divulgação dos resultados preliminares do processo está prevista para dia 30 de novembro e a divulgação final, após o prazo de interposição de recursos administrativos, é 19 de dezembro. A chamada foi aberta no dia 5 de julho deste ano.

Entre outras exigências, para se candidatar é necessário comprovar proficiência em língua portuguesa e apresentar carta de aceitação em uma instituição de ensino superior brasileira pública ou privada em curso de pós-graduação stricto sensu recomendado ou reconhecido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). O programa de pós-graduação escolhido precisa ter nota superior a três (3), segundo classificação da Capes.

Os estudantes que concluírem os cursos com êxito podem solicitar passagem aérea de retorno ao seu local de residência junto ao Ministério de Relações Exteriores. Isso deve ser feito por meio da instituição de ensino na qual ele estudou, 60 dias antes da data de embarque.

Para escolher os bolsistas, o CNPq avaliará a qualidade científica do plano de trabalho proposto, a relevância dos estudos para o desenvolvimento da área específica no país de origem do candidato, a possibilidade de aplicação do conhecimento adquirido, além do desempenho acadêmico do estudante durante a sua graduação.

Bolsas pela TWAS

A Academia Mundial de Ciências (TWAS) para Avanço da Ciência em Países em Desenvolvimento também lançou edital com o CNPq para distribuição de bolsas para cidadãos de países em desenvolvimento interessados em fazer doutorado ou pós-doutorado no Brasil. A propostas devem ser enviadas até 11 de agosto.

Neste caso, é preciso que os estudos devem ser nas seguintes áreas: Ciências Agrárias, Ciências Biológicas, Medicina e Ciências da Saúde, Química, Engenharias, Matemática e Probabilidade e Estatística, Ciência da Computação, Física, Astronomia e Geociências, além de Oceanografia. Serão dadas 20 bolsas para doutorado e dez para pós-doutorado.

Para o doutorado pleno é necessário diploma de mestrado e para o pós-doutorado é preciso ter doutorado, além de emprego fixo relacionado à área de pesquisa em seu país. O candidato também deve ter domínio de um dos seguintes idiomas: português, espanhol ou inglês. O programa de pós-graduação escolhido deve ter nota superior a cinco (5) na Capes.

Os bolsistas receberão auxílio para custos de vistos entre US$ 200 e US$ 250, auxílio para deslocamento do seu país de origem ou residência (valor segundo região onde mora), taxa de bancada de R$ 394 e mensalidade de R$ 2.200 para doutorado, e taxa de bancada de R$ 400 e mensalidade de R$ 4.100 para pós-doutorado. A divulgação do resultado preliminar será em 7 de novembro e a divulgação final será em 30 de novembro.


Serviço:

Chamada para bolsas Mestrado e Doutorado CNPq
Para cidadãos de 57 países em desenvolvimento
Prazo de inscrição: 18 de agosto de 2017
Mais informações: atendimento@cnpq.br ou +55 (61) 3211 4000
Edital: http://bit.ly/2tiI9a8

Chamada para bolsas Doutorado e Pós-Doutorado – TWAS e CNPq
Para cidadãos de países em desenvolvimento
Prazo de inscrição: 11 de agosto de 2017
Mais informações: twas.ascin@cnpq.br ou fellowships@twas.org
Edital: http://bit.ly/2un8jxy

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form