logo_anba_pt logo_camera_pt
31/07/2017 - 18:10hs
Compartilhe:

Turismo nos Emirados tem primeiro semestre quente

Hotéis de Abu Dhabi receberam 2,25 milhões de hóspedes, um aumento de 7%. Dubai atraiu mais de 8 milhões de visitantes, um crescimento de 10,6%.



Abu Dhabi – Os emirados de Abu Dhabi e Dubai registraram números positivos no setor de turismo no primeiro semestre deste ano. Segundo informações publicadas nesta segunda-feira (31) pela Emirates News Agency (WAM), os hotéis de Abu Dhabi receberam 2,25 milhões de hóspedes nos seis primeiros meses de 2017, um aumento de 7% em relação ao mesmo período de 2016.

Divulgação

Eid Al Fitr impulsionou turismo em junho

Em junho isoladamente, os 165 estabelecimentos de hospedagem da capital dos Emirados Árabes Unidos tiveram um movimento 30% maior do que no mesmo mês do ano passado. De acordo com a WAM, o desempenho foi influenciado pelo “período excepcional de Eid Al Fitr”. O Eid Al Fitr é o feriado que encerra o mês do Ramadã no calendário islâmico, que é lunar, portanto a data é móvel em relação ao calendário gregoriano.

“O Eid Al Fitr foi a alavanca para estes números, sendo que Abu Dhabi recebeu um número recorde de visitantes, com muitos de nossos principais hotéis quase lotados com turistas de várias partes do mundo que escolheram Abu Dhabi para passar o feriado”, disse o diretor-geral da Autoridade de Turismo e Cultura de Abu Dhabi, Saif Saeed Gobash, segundo a WAM.

Ele acrescentou que a temporada de verão no Hemisfério Norte continua e é esperado um bom movimento de turistas também em agosto, quando o emirado irá realizar espetáculos de teatro, shows de música, além de promoções no varejo e em hotéis, entre outras atrações. No ano passado, Abu Dhabi recebeu um recorde de 4,4 milhões de hóspedes e prevê superar ou pelo menos igualar a marca este ano.

WAM

Vistos gratuitos tiveram impacto positivo

Em Dubai, o número de turistas estrangeiros chegou a 8,06 milhões no primeiro semestre, um crescimento de 10,6% sobre o mesmo período de 2016, de acordo com informações publicadas pela WAM no domingo (30). Os dados são do Departamento de Marketing de Turismo e Comércio do emirado.

Entre os destaques do período, a WAM informou que a emissão de vistos gratuitos para chineses e russos na chegada a Dubai impulsionou significativamente o número de turistas destas duas nacionalidades. O Brasil assinou recentemente um acordo de isenção de vistos com os Emirados, mas ele ainda não está em vigor, pois precisa ser ratificado pelo Congresso Nacional.

Até 2020, Dubai quer ver o número de turistas chegar a 20 milhões, quando a cidade irá sediar a exposição mundial Expo 2020.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form