logo_anba_pt logo_camera_pt
09/08/2017 - 07:00hs
Compartilhe:

Argelinos recebem treinamento em joalheria no Brasil

Grupo com 26 pessoas passará por capacitação no Instituto Federal de Minas Gerais, em Ouro Preto, a partir do dia 14 de agosto. Iniciativa é parte de cooperação entre Abragem, ABC e governo da Argélia.



São Paulo – Um grupo com 26 estudantes argelinos desembarca nesta semana em Minas Gerais para um treinamento em joalheria. Por duas semanas, entre 14 e 27 de agosto, eles terão capacitação na área no Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG), na cidade de Ouro Preto, como parte de uma cooperação entre a Associação Brasileira de Gemas e Joias (Abragem) e Agência Brasileira de Cooperação (ABC) com o governo argelino.

Divulgação

Escola em Tamanrasset tem aulas de design

A Abragem trabalha em parceria com a Argélia há dez anos para ensino e fomento da produção de joias no país e ajudou os argelinos a criarem uma escola especializada no segmento na cidade de Tamanrasset. Os estudantes com melhor desempenho nos estarão no Brasil para reforço da capacitação. Acompanham o grupo três coordenadores.

As informações são do presidente da Abragem, Harilton Vasconcelos. Ele conta que a maioria dos estudantes que virão nunca saiu da Argélia. “O local tem tudo a ver com a realidade do nosso projeto”, afirma Vasconcelos sobre Ouro Preto, citando o fato de a cidade ter um dos maiores museus de mineralogia do mundo e do IFMG ser muito bem conceituado no ensino de joalheria.

No dia 14 de agosto haverá a abertura oficial da missão no IFMG, que dará o pontapé para o treinamento dos argelinos. Depois da cerimônia, da qual devem participar autoridades convidadas, os estudantes partirão para as aulas e haverá uma palestra para os alunos do instituto e para a comunidade de Ouro Preto sobre cooperativismo.

Divulgação

Argelinos aprenderam a produzir joias

Como parte das atividades da viagem, os argelinos vão conhecer minas de ouro e topázio da cidade de Ouro Preto. “Eles vão conhecer nosso país, vão trabalhar in loco”, afirma Vasconcelos. A convite da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), os coordenadores que acompanham o grupo farão uma visita a uma das maiores fábricas de joias do Brasil, a Manoel Bernardes, que fica no estado.

O trabalho da Abragem na Argélia é feito com o apoio e a parceria local da Câmara de Artesanato e Ofícios de Tamanrasset. Desde 2007, quando a cooperação começou, argelinos estiveram no Brasil para visitas técnicas e os brasileiros foram ao país árabe por vários períodos para treinamento e implantação das ações.

A escola de joalheria criada com a ajuda da Abragem começou a oferecer cursos no começo de 2015 e formou até o momento 80 alunos, de acordo com Vasconcelos. No ano passado a escola foi transferida para um novo local, a Casa do Artesanato em Tamanrasset, uma estrutura grande e ainda melhor do que a primeira.

Divulgação

Comitiva da embaixada do Brasil visitou escola

Há várias etapas de ensino oferecidas como lapidação de pedras preciosas, lapidação de pedras artesanais, ourivesaria básica, fundição de joias, design de joias manual, design de joias em 3D e artesanato mineral. O presidente da Abragem conta que no final do ano passado o trabalho dos alunos foi apresentado num evento na embaixada do Brasil em Argel.

Ainda em 2017, entre outubro e novembro, representantes da Abragem devem viajar novamente à Argélia para dar um curso de cooperativismo, como última etapa da cooperação. O objetivo é que depois de aprendida a atividade profissional, os argelinos possam se reunir em cooperativas para produzir joias com as pedras do Deserto do Saara. A escola deve seguir em funcionamento e ensinando joalheria para mais alunos.

O presidente da Abragem conta que a cooperação com a Argélia foi um projeto piloto e que ele deverá ser replicado em outros países. Ainda não há um próximo destino definido, mas já ocorreram conversas sobre o tema com a África do Sul e Senegal. Nenhum outro país árabe se candidatou, mas Vasconcelos afirma que a Abragem está aberta a contatos e convites.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form