logo_anba_pt logo_camera_pt
16/08/2017 - 16:35hs
Compartilhe:

Palácios árabes são tema de curso em São Paulo

O mestre em História Plinio Freire falará sobre as mensagens expressadas pelo domínio islâmico por meio dos seus palácios. Minicurso ocorre no próximo sábado na Livraria Martins Fontes.



Divulgação

Professor do curso fez pesquisas mundo afora

São Paulo – Os palácios árabes serão assunto de um minicurso que vai ocorrer no próximo sábado (19) no Auditório da Livraria Martins Fontes, na capital paulista. O mestre em História Plinio Freire vai falar sobre o que a arquitetura dos palácios construídos em regiões e períodos de domínio islâmicos expressam sobre a forma de poder desses reinados.

Freire conta que o minicurso é um desdobramento de um curso maior que ele dá sobre arte e civilização islâmica, mas que tem como um dos focos principais o Islã como religião e princípio ético. O curso na Livraria Martins Fontes abordará principalmente a construção do estado pelos islâmicos. “A graça é mostrar como a arquitetura expressa uma mensagem, entender a arquitetura como um texto e o que ela está dizendo”, afirma Freire.

O domínio islâmico chegou a se estender da Península Ibérica até a Índia e essa expansão teve seu ápice em 711, quando o império muçulmano atravessou o Estreito de Gibraltar e depois chegou até o Vale do Rio Indo, onde hoje fica a Índia atual. Esse poder era expresso pela construção de estruturas físicas sofisticadas para a época.

O professor falará sobre vários palácios de domínios islâmicos. Ele próprio visitou estes locais, entre os que ainda estão em pé ou foram reconstruídos, em regiões como Norte da África, Oriente Médio e Península Ibérica. O Palácio de Alhambra, na Espanha, Freire define como o último bastião islâmico na Península Ibérica e como um ápice de requinte. Foi a última construção do reinado islâmico antes da tomada de poder pelos cristãos. “O último esplendor da presença islâmica”, diz.

Plinio Freire é mestre em história pela Universidade de São Paulo (USP) e organiza viagens culturais com foco em museus e monumentos em países como Itália, Espanha, Marrocos e Irã. Ele é autor do livro “Um herege vai ao paraíso: cosmologia de um ex-colono condenado pela Inquisição (1680-1744)”. O historiador morou dez anos em Florença, na Itália, onde estudou o Renascimento, e seis anos no Oriente Médio, para pesquisar a arte e a cultura islâmicas.

O curso é promovido pelo grupo Lente Cultural, que está organizado sob forma de cooperativa e é formado por professores, conferencistas e intelectuais. O projeto tem uma parceria com a Livraria Martins Fontes e organiza, em seu auditório, esporadicamente, palestras e cursos sobre as variadas temáticas dos livros, desde história até filosofia, psicologia, literatura e gastronomia. O curso sobre os palácios árabes é pago (mais informações abaixo) e tem inscrições abertas.

Serviço:

Minicurso: Palácios Árabes: do Califado de Damasco ao Sultanato de Granada
Dia 19 de agosto, sábado, das 11h às 17h30
Preço: R$ 130
Local: Auditório da Livraria Martins Fontes – Avenida Paulista, 509 – 2º andar – São Paulo – SP
Mais informações e inscrições: http://www.lentecultural.com.br/cursos/minicurso-palacios-arabes-do-califado-de-damasco-ao-sultanado-de-granada/

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form