logo_anba_pt logo_camera_pt
05/09/2017 - 12:10hs
Compartilhe:

Egito tem receita de turismo 170% maior

Setor gerou US$ 3,5 bilhões de janeiro a julho e país atraiu 4,3 milhões de visitantes. Aumento ocorreu principalmente em função de maior quantidade de chegadas de alemães e ucranianos.



São Paulo – As receitas do setor de turismo aumentaram 170% no Egito nos primeiros sete meses deste ano e ficaram em US$ 3,5 bilhões, segundo notícia publicada pela agência de notícias Reuters e replicada por sites árabes.

Fayed El Geziry/NurPhoto

Turismo gera renda no comércio egícpio

O número de turistas que visitou o Egito também cresceu no mesmo período. O aumento foi de 54% sobre janeiro a julho de 2016 para 4,3 milhões de viajantes. Houve aumento de visitantes principalmente da Alemanha e da Ucrânia.

De acordo com a notícia, os europeus representaram 75% dos turistas, enquanto os árabes responderam por 20% do fluxo. A fonte da informação é um funcionário do governo.

O Egito espera receber neste ano oito milhões de visitantes. No ano passado, 4,5 milhões de turistas estiveram no país. A receita que o setor deve gerar para o Egito em 2017 é US$ 6 bilhões, quase o dobro dos US$ 3,4 bilhões do ano passado.

Apesar do aumento sobre 2016, o número de turistas ainda será menor do que os 14,7 milhões de viajantes que visitaram o Egito em 2010, antes do início dos conflitos que derrubaram o então presidente Hosni Mubarak e deflagraram um longo período de agitação política e social no país.

Desde que o Egito recuperou sua estabilidade política, o governo vem fazendo esforços para reconquistar os turistas e fazer com que o setor volte a gerar mais receita. Alguns acontecimentos, porém, como a derrubada de um avião russo no Sinai há dois anos e o atentado terrorista a peregrinos em maio deste ano, atrapalharam a trajetória.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form