logo_anba_pt logo_camera_pt
10/01/2018 - 20:27hs
Compartilhe:

Soja contribui pouco para desmatamento na Amazônia

Relatório encomendado pelo Grupo de Trabalho da Soja (GTS) indica que a soja respondeu por 1,2% do total desflorestado por corte raso.



Brasília – Fruto de um esforço intersetorial, um relatório encomendado anualmente pelo Grupo de Trabalho da Soja (GTS) indica que, nos últimos 11 anos, embora a área de semeadura de oleaginosa tenha triplicado, a soja respondeu somente por 1,2% do total desflorestado por corte raso (quando há remoção absoluta da vegetação de um local) na Amazônia.

A área de cultivo saltou de 1,14 milhão de hectares (ha) na safra 2006/2007 para 4,48 milhões de hectares durante a safra de 2016/2017, diz o relatório divulgado nesta quarta-feira (10).

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form