Notas

Morte de manifestante

Da Redação
anba@anba.com.br

Um homem morreu durante um protesto anticapitalista ontem no centro financeiro de Londres, informou a pol√≠cia brit√Ęnica. Ele participava da s√©rie de manifesta√ß√Ķes que marcou o dia da City. O servi√ßo de ambul√Ęncia londrino levou o homem, que teve parada respirat√≥ria e desmaiou, a um hospital pr√≥ximo onde foi confirmada sua morte. Entretanto a causa da morte do manifestante n√£o foi confirmada at√© a noite de ontem.

‘A voz de Doha’

A presidente chilena, Michelle Bachelet, disse que a "voz surgida" na 2¬™ C√ļpula de Chefes de Estado e de Governo da Am√©rica do Sul e dos Pa√≠ses √Ārabes (Aspa) ser√° ouvida na reuni√£o do G-20. "A voz que surgiu hoje ter√° for√ßa suficiente para estar presente no G20", disse Bachelet durante a entrevista coletiva que encerrou a reuni√£o em Doha, com a participa√ß√£o de representantes de 34 pa√≠ses √°rabes e sul-americanos. A presidente, que n√£o participa da reuni√£o em Londres, falou da import√Ęncia do multilateralismo.

Sarkozy no Brasil

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, anunciou ontem que voltará ao Brasil no dia 7 de setembro, menos de dez meses após sua primeira visita oficial ao país. França e Brasil pretendem reforçar sua "parceria estratégica", disse o presidente francês durante entrevista conjunta com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que esteve na França antes de participar da reunião do G-20 em Londres. "Nossa colaboração está em um clima bom em todos os assuntos", acrescentou Sarkozy. Em dezembro do ano passado, os dois países assinaram acordos militares.

Jamie Oliver na cozinha

O chef de cozinha e celebridade Jamie Oliver foi o respons√°vel pelo jantar oferecido ontem aos l√≠deres do G-20, na sede do governo brit√Ęnico. Cordeiro assado foi o prato principal, acompanhado de cogumelos selvagens, aspargos e batatas. Os governantes vegetarianos teriam como a op√ß√£o um prato √† base de bolinhos de batata e aspargos. As entradas inclu√≠am salm√£o escoc√™s assado com vegetais e queijo de cabra. O presidente Obama se sentaria ao lado da primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel. O presidente da China, Hu Jintao, se sentaria entre o premi√™ brit√Ęnico, Gordon Brown e o presidente franc√™s, Nicholas Sarkozy.

Publica√ß√Ķes relacionadas