Importação cai e superávit comercial cresce

Importações brasileiras recuaram 1,2% em abril. Compras de bens de capital diminuíram 10%. Saldo foi o segundo maior para o mês.

Agência Brasil
pauta@ebc.com.br

Brasília – A queda das importações fez a balança comercial brasileira registrar o segundo maior saldo positivo da história para meses de abril. No mês passado, o superávit comercial ficou em US$ 6,061 bilhões, um aumento de 2,3% sobre abril de 2018. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (02) pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

As exportações somaram US$ 19,689 bilhões, com leve queda de 0,1% em relação a abril de 2018 pelo critério da média diária. As importações totalizaram US$ 13,628 bilhões, uma retração de 1,2% na mesma comparação.

As compras de bens de capital caíram 10%, as de bens de consumo, 6,6%, e as de bens intermediários, 02%. As importações de combustíveis e lubrificantes, porém, subiram 10,4%, influenciadas pelo aumento do preço do petróleo.

Divulgação

Publicações relacionadas