Arábia Saudita assume a presidência do G20

O país do Golfo vai sediar a cúpula de líderes do bloco em novembro de 2020, em Riad.

Da Redação
anba@anba.com.br

São Paulo – A Arábia Saudita assumiu a presidência rotativa do G20 neste domingo (1º), sucedendo a presidência japonesa de 2019. O país árabe do Golfo sediará a cúpula de líderes das dezenove maiores economias do mundo mais a União Europeia em 21 e 22 de novembro de 2020 em sua capital, Riad. O mandato tem duração de um ano. Esta será a primeira vez que o evento será realizado no mundo árabe – a Arábia Saudita é o único país árabe a integrar o bloco. Na foto acima, o príncipe saudita Mohammed Bin Salman cumprimenta o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, durante a reunião do G20 em Osaka, no Japão, em junho deste ano.

O rei saudita, Salman Bin Abdulaziz Al-Saud, disse em nota que “o país está otimista e busca construir um cenário para que o G20 apresente iniciativas e resultados que atendam às expectativas dos povos de todo o mundo”.

O príncipe herdeiro Mohammed Bin Salman afirmou em nota que “durante sua presidência do G20, o reino da Arábia Saudita continuará com o trabalho de promover o consenso global e alcançar realizações tangíveis”.

Bin Salman disse ainda que a presidência do G20 da Arábia Saudita está comprometida em continuar o trabalho de Osaka e promover o consenso multilateral. “Trabalhando com nossos parceiros do G20, nos esforçaremos para realizar ações concretas e aproveitar oportunidades que irão nos permitir enfrentar os desafios do futuro”, afirmou o príncipe.

O reino se concentrará em três objetivos principais: empoderar pessoas, proteger o planeta e moldar novas fronteiras, de acordo com o comunicado. Antes da cúpula, a Arábia Saudita sediará mais de 100 eventos e conferências, entre reuniões ministeriais e reuniões de funcionários e representantes da sociedade civil.

O G20 é um fórum de cooperação econômica internacional que reúne líderes de países desenvolvidos e em desenvolvimento. Coletivamente, os membros do G20 constituem cerca de 80% da produção econômica mundial, dois terços da população mundial e três quartos do comércio internacional, de acordo com o site do G20.

Além da Arábia Saudita, Japão e União Europeia, fazem parte do G20 o Brasil, África do Sul, Alemanha, Argentina, Austrália, Canadá, China, Coreia do Sul, Estados Unidos, França, Índia, Indonésia, Itália, México, Reino Unido, Rússia e Turquia. Também participam da cúpula líderes de países convidados e representantes de organizações internacionais convidadas, como o Banco Mundial e a Organização Mundial do Comércio (OMC).

*Com informações da Agência de Notícias Saudita (SPA).

The Yomiuri Shimbun/AFP

Publicações relacionadas