Cairo: área histórica deve receber zona de inovação

Empresa de investimentos vai explorar oportunidades de cooperação para estabelecer um centro para jovens egípcios e startups em Bab Al-Azab, uma das entradas da Cidadela Salah Al-Din Al-Ayoubi, no Cairo.

Da Redação
anba@anba.com.br

São Paulo – O Fundo Soberano do Egito planeja desenvolver na área histórica de Bab Al-Azab, que fica na Cidadela Salah Al-Din Al-Ayoubi, no Cairo, a primeira zona de inovação integrada no Oriente Médio e Norte da África (Mena), segundo notícia publicada na mídia regional. Na foto acima, vista de parte da Cidadela do Cairo.

O fundo assinou memorando de entendimento (MoU) com a empresa Bidayat Investment Group para que ela explore oportunidades de cooperação para o desenvolvimento do novo centro. O Bidayat Investment Group já estabeleceu centros de inovação em países como Itália, França e Turquia.

Segundo informou o sócio fundador da Bidayat Investment Group, Rachid Mohamed Rachid, a zona de inovação deverá receber jovens egípcios criativos. A área deverá abrigar proprietários de startups de setores criativos como design em engenharia, produção de móveis, joalheria, moda e cinema.

Bab Al-Azab é uma das entradas ou grandes portões para a Cidadela Salah Al-Din Al-Ayoubi, ou Cidadela do Cairo, com vista para as mesquitas históricas que ficam nas redondezas. O local foi construído em 1754 com torres, no mesmo estilo arquitetônico das demais entradas da cidadela, mas é considerada a mais bonita.

©Amir Makar/AFP

Publicações relacionadas