Fotógrafo libanês terá exposição sobre Pantanal em Beirute

Exposição ‘Pantanal, a Terra da Onça’, de Michel Zoghzoghi, será lançada em 25 de abril e vai até 15 de maio, no Centro Cultural Brasil-Líbano, com entrada gratuita.

Da Redação
anba@anba.com.br

São Paulo – A Embaixada do Brasil em Beirute e o Centro Cultural Brasil-Líbano (Brasiliban) apresentam a exposição fotográfica “Pantanal, a terra da Onça”, do fotógrafo libanês Michel Zoghzoghi, com estreia em 25 de abril e que vai até 15 de maio, no próprio Centro Cultural, com entrada gratuita.

Michel Zoghzoghi descobriu sua paixão pela fotografia há 12 anos, quando comprou uma câmera fotográfica para levar a um torneio de polo organizado por um amigo em Londres, e desde então nunca mais largou o equipamento.

A principal temática das fotografias de Zoghzoghi é retratar o perigo de alguma forma, dos tigres da Índia aos ursos polares do Ártico, de paisagens na África aos tubarões brancos de oceanos do Sul, até as onças pintadas do Pantanal brasileiro, o fotógrafo viaja o mundo capturando a beleza natural que o planeta tem a oferecer. Zoghzoghi pretende com seu trabalho alertar o público para o fato de que muitas espécies estão à beira da extinção.

O Pantanal é a maior área úmida continental do planeta, localizada no centro da América do Sul. Tem 210 mil quilômetros quadrados de extensão, o que equivale aos territórios da Bélgica, Suíça, Portugal e Holanda juntos. A região concentra rica biodiversidade, e devido à sua importância ambiental, o bioma foi declarado Patrimônio Mundial Natural e Reserva da Biosfera pela Unesco em 2000.

Serviço

Exposição “Pantanal, a terra da Onça”, do fotógrafo Michel Zoghzoghi
Evento de abertura em 25 de abril, às 19h
Exposição de 26 de abril a 15 de maio
De segunda a sexta-feira, das 10h às 20h
Centro Cultural Brasil-Líbano
Mar Mitr street, Trad building, N. 176, Achrafieh
Beirute, Líbano
Entrada gratuita

 

Michel Zoghzoghi

Publicações relacionadas