Tunisianos mostram interesse em cosméticos brasileiros

No terceiro país visitado pela Missão ao Norte da África liderada pela Câmara Árabe, a Brazil 2 Export, do segmento de produtos capilares, encontrou ambiente favorável aos negócios.

André Barros
andre.barros@anba.com.br

São Paulo – Terceiro destino de Missão ao Norte da África organizada pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira, a Tunísia apresentou uma boa demanda para exportadoras brasileiras de cosméticos. Em dois dias de reuniões e apresentações, os empresários brasileiros conseguiram estabelecer contatos positivos e têm perspectivas de fechar negócios – talvez até antes do retorno ao Brasil.

“Vamos voltar a nos reunir com clientes indicados pela Câmara Árabe amanhã [sexta-feira (20)] e durante o fim de semana”, contou Nazir Farra, diretor da Brazil 2 Export, fabricante de cosméticos capilares para o segmento profissional. Um dos contatos, segundo ele, demonstrou interesse em importar produtos brasileiros e distribuir para outros países africanos. O outro sinaliza desejo em colocar os cosméticos em gôndolas de supermercados e lojas.

Nazir Farra (3º da dir. p/ esq.) com seus clientes no Egito: duas reuniões importantes nos próximos dias na Tunísia.

Farra está otimista em relação ao bom andamento do negócio. “Estou muito feliz em participar da missão”, afirmou o empresário, que também esteve no Egito, onde pôde estreitar relações com empresários que já são clientes da Brazil 2 Export e distribuem produtos da marca Sweeteez.  Após as conversas, ele segue para a Mauritânia, próximo destino da comitiva da Câmara Árabe.

Segundo Fernanda Baltazar, executiva de negócios internacionais da Câmara Árabe, a passagem pela Tunísia foi proveitosa. Na quarta-feira (18), os empresários se reuniram com importadores tunisianos na Confederação da Indústria, Comércio e Artesanato local (Utica, na sigla em francês), onde foram feitas rodadas de negócios.

O segundo dia começou com uma reunião na Agência de Promoção da Indústria e Inovação local (API, na sigla em francês), onde os empresários tiveram uma visão do mercado tunisiano, dos principais setores da economia e das possibilidades de investimentos no país. Durante a tarde, a delegação participou de um encontro institucional no Ministério das Relações Exteriores da Tunísia.

“A Minerva está participando da missão. Eles já estão no mercado, mas vieram prospectar novos clientes”, disse a executiva, citando o frigorífico brasileiro com ampla presença no exterior. Além deles e da Brazil 2 Export, participaram da viagem à Tunísia outra empresa de cosméticos e uma do segmento alimentício.

Após uma pausa para o fim de semana, a missão parte em direção à Mauritânia. No país africano as reuniões começam na segunda-feira (23).

Divulgação
Divulgação

Publicações relacionadas