Empresas apresentam linhas de alimentos e higiene na Apas

Pela primeira vez a Câmara Árabe traz uma empresa de setor de higiene à feira. O grupo Sukhtian, da Jordânia, com a marca Hi Geen, apresentou produtos como bronzeadores, protetor solar e cosméticos.

Thais Sousa
tsousa@anba.com.br

São Paulo – Empresas árabes trouxeram produtos de setores que vão de alimentos a higiene pessoal para o estande da Câmara de Comércio Árabe Brasileira na feira Apas Show, que vai até esta quinta-feira (09), em São Paulo. O grupo Sukhtian, da Jordânia, trouxe a marca Households & Toiletries Mfg Co., pela primeira vez à Apas Show. “Queremos entrar no mercado do Brasil com produtos de cosméticos, bronzeadores e protetor solar. Temos também linhas de xampu, sabonete líquido e produtos orgânicos”, pontuou Thaer Alshaar, coordenador regional de vendas da empresa. É a primeira vez que uma empresa traz produtos para além do mercado de alimentos ao estande da Câmara Árabe.

A companhia já atende países árabes, Ásia e América Latina e busca, agora, distribuidores no Brasil. “Estamos tendo algumas oportunidades, agora na feira, de firmar contatos que já começamos a estabelecer anteriormente”, afirmou William Bieler, gerente regional de vendas para a América Central e Colômbia, que lembra que mesmo com a concorrência com grandes marcas do Brasil, espera em breve ter bons resultados aqui.

(Continua após galeria de fotos)

Em parceria no estande, a trading brasileira O Primo acompanha o grupo egípcio AG – Al Shahed Group. Com a empresa Wadi El Nile, o grupo trouxe seu carro-chefe: as azeitonas. “Em 2018, foram 1.200 contêineres de azeitonas exportados ao Brasil. A expectativa é que esse número cresça na safra deste ano, para até três mil contêireres”, afirmou Augusto Ferraiol, diretor comercial da O Primo, que atua junto à AG no Brasil há cerca de três anos. Na Apas pela segunda vez, a empresa árabe espera aumentar o número de vendas a distribuidores, supermercados e indústria.

Em sua terceira geração, a empresa familiar tunisiana Huilerie Loued quer ampliar negócios no Brasil. O dono da empresa, Abdessalem Loued, explica que com a marca Riviere D’Or, a empresa está presente em mais de 65 países. “Azeite de oliva para nós é uma paixão. Estamos investindo e focando todos os esforços em qualidade e preços acessíveis para levar esse produto ao mundo”, contou o CEO.

Laura Bianchim, analista de eventos, recebeu o adesivo de finalista do estande da Câmara Árabe

A Huilerie Loued começou a exportar para o Brasil há pouco mais de um ano e hoje almeja ter sua marca em redes de supermercado de grande porte como Carrefour e Extra. Entre os produtos, Loued destaca a linha de orgânicos certificada por selos como USDA e certificação halal, além da linha Premium Collection que traz recipientes em diferentes formatos para presente. A empresa também trabalha com terceirização de marcas, e na feira deste ano está buscando clientes para este serviço.

Quem também atua produzindo a chamada private label é a Jardins de Carthage, marca do grupo Sun Antipasti. A empresa da Tunísia já faz o serviço de terceirização para marcas na Europa e exporta seus próprios produtos para mais de 25 países. Agora a Jardins de Carthage, que ainda não exporta ao Brasil, procura distribuidores e clientes para iniciar os negócios. “Estamos tentando e já conseguimos dois bons contatos. A demanda por estes produtos é boa no Brasil”, afirmou Foued Gueddich, sobre a linha da empresa que vai desde conservas a molhos de pimentas e tomate.

O estande da Câmara Árabe, que está concorrendo como Melhor Estande Internacional no Prêmio Estande Apas Show, chegou a finalista do prêmio. O estande foi decorado nesta terça-feira (07) com adesivo que o coloca entre os três melhores estandes de sua categoria. A cerimônia de premiação ocorrerá amanhã (09), às 10h30, na Apas Show.

Thais Sousa / ANBA
Thais Sousa / ANBA
Thais Sousa / ANBA
Thais Sousa / ANBA
Thais Sousa / ANBA
Thais Sousa / ANBA

Publicações relacionadas