Brasil é maior mercado da Herbs Egypt na América Latina

Indústria de ervas e especiarias do Egito vende para supermercados e distribuidores brasileiros, mas quer aumentar sua presença no País.

Isaura Daniel
isaura.daniel@anba.com.br

São Paulo – O Brasil é o maior destino dos produtos da empresa egípcia Herbs Egypt na América Latina. A companhia produz ervas e especiarias, e comercializa no mercado brasileiro produtos como manjericão, salsa, tomilho, manjerona, hortelã, erva-doce, anis e camomila, segundo entrevista à ANBA por e-mail do diretor-geral da empresa, Rabie Abbas.

A indústria egípcia exporta para Estados Unidos, União Europeia, Austrália e América Latina, e tem nas duas primeiras regiões os seus principais mercados. “Na América Latina, o Brasil é o número um”, afirmou Abbas. As vendas para o Brasil ocorrem há 18 anos. Os clientes são supermercados e distribuidores, de acordo com o diretor-geral.

Abbas quer vender mais ao Brasil

Mas a empresa Herbs Egypt quer aumentar as vendas para o mercado brasileiro e para isso planeja oferecer produtos ainda mais competitivos, com boa qualidade e embalagens mais adequadas ao consumo local, de acordo com informações de Abbas.

O diretor-geral é dono da empresa juntamente com sua família e esteve no Brasil em abril para participar do Fórum Econômico Brasil-Países Árabes, que foi promovido pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira, e de um seminário na entidade, que tratou das relações entre o Egito e o Mercosul, como ação após a entrada em vigor do acordo de livre comércio entre o país e o bloco.

A missão egípcia no Brasil foi liderada pelo Ministério do Comércio e Indústria do Egito e o seminário na Câmara Árabe foi seguido de encontros entre empresas brasileiras e egípcias. O objetivo é que elas aproveitem a redução de tarifas do tratado para fazer mais negócios.

“Foi ótimo e vamos repetir várias vezes, e garantir e maximizar a nossa existência no mercado brasileiro”, disse Abbas sobre sua intenção de seguir visitando o Brasil e participar de iniciativas que fomentem o comércio bilateral. Rabie Abbas conta que fez novos contatos durante a viagem ao Brasil. “Temos certeza que faremos bons negócios por meio desses contatos”, afirma ele.

Em agosto ele retorna ao País para participar da feira Food ingredients (Fi) South America, que ocorre nos dias 21 a 23 no Transamerica Expocenter, na capital paulista.

A Herbs Egypt existe há 33 anos e tem três plantas industriais na cidade egípcia de Beni Suef. A companhia produz ervas e especiarias como manjericão, manjerona, tomilho, hortelã, salsa, endro, coentro, erva-doce, cominho, anis e camomila. Os produtos são cultivados em fazendas próprias e em fazendas fornecedoras contratadas, cuja produção é auditada pela Herbs Egypt.

Contato:

Herbs Egypt
Site: www.herbsegypt.com
Telefone: + 202 33826086
Email: rabie@herbsegypt.com

Divulgação
Divulgação

Publicações relacionadas